Criale Digital

NOTÍCIAS

CUIDADOS COM EMPRÉSTIMOS ENTRE EMPRESAS E SÓCIOS.

“QUANDO O APORTE NÃO É OFICIALIZADO, PODE SE TORNAR ILEGAL.”

Operações de empréstimos de sócios, pessoas físicas ou jurídicas para empresas (e vice-versa) são comuns, mas o que muitos não sabem é que quando o aporte não é oficializado, pode se tornar ilegal.

RECEITA FEDERAL ESTÁ EM BUSCA DOS CONTRIBUINTES QUE GUARDAM FORTUNAS EM CASA

Assim foi informalmente batizado o hábito de alguns brasileiros de guardar verdadeiras fortunas – dignas de ornar o cofre do mais rico pato dos quadrinhos – em casa. Segundo fontes ouvidas pelo GLOBO sob a condição de anonimato, cerca de 140 pessoas declararam ao Fisco que mantém pelo menos R$ 10 milhões em espécie debaixo do colchão.

EXONERAÇÃO DE PENSÃO ALIMENTÍCIA

É importante ressaltar que não existe limitação temporal para fim da obrigação de alimentos em lei. A obrigação persiste na presença dos pressupostos de necessidade, possibilidade e razoabilidade.

ALTERADA NORMA QUE DISPÕE SOBRE A PROVA DE REGULARIDADE FISCAL PERANTE A FAZENDA NACIONAL

A Secretaria da Receita Federal do Brasil (RFB) e a Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN) promoveram alterações nos arts. 1º, 2º, 4º, 5º, 6º, 8º, 12 e 13 da Portaria Conjunta RFB/PGFN nº 1.751/2014, a qual dispõe sobre a prova de regularidade fiscal perante a Fazenda Nacional, conforme os destaques adiante.

Please reload

CONFIRA A CARTEIRA DE TRABALHO DIGITAL E APRENDA COMO ACESSAR O APLICATIVO

A Carteira de Trabalho Digital funciona como uma extensão da carteira de trabalho física (impressa), que não será substituída e continuará existindo, sendo, ainda, o documento oficial do trabalhador. O objetivo é facilitar a vida dos trabalhadores que terão o documento à mão sempre que precisarem fazer uma consulta.

ESOCIAL SERÁ IMPLANTADO EM CINCO FASES A PARTIR DE JANEIRO DE 2018

O Comitê Gestor do eSocial anunciou nesta quarta-feira (29) o cronograma de implantação do programa, que será implantado em cinco fases a partir do primeiro semestre de 2018. Neste primeiro momento, a medida é voltada para empresas com faturamento superior a R$ 78 milhões anuais, que passam ter a utilização obrigatória do programa a partir de 8 de janeiro de 2018. 

RECEITA FEDERAL ALTERA REGRA ENVOLVENDO PER/DCOMP TRIBUTAÇÃO

A partir de 1º de janeiro de 2018, declarações ou pedidos apresentados por meio de PER/DCOMP serão recepcionados somente depois da confirmação da transmissão da respectiva escrituração fiscal digital, na qual se encontre demonstrado o direito creditório, de acordo com o período de apuração.

Please reload